segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Feliz Ano Novo!!


Aos que fazem parte da minha vida,
E que contribuiram de alguma maneira para eu ser esta pessoa que sou hoje....

Dentro de alguns dias estaremos no último dia do ano de 2008...
e depois da meia-noite, virá o Ano Novo...
O engraçado é que - teoricamente - continua tudo igual...
Ainda seremos os mesmos.
Ainda teremos os mesmos amigos.
Alguns o mesmo emprego.
O mesmo parceiro(a).
As mesmas dívidas (emocionais e/ou financeiras).
Ainda seremos fruto das escolhas que fizemos durante a vida.
Ainda seremos as mesmas pessoas que fomos este ano...

A diferença, a sutil diferença,
é que quando o relógio nos avisar que é meia-noite,
do dia 31 de dezembro de 2008, teremos um ano in-tei-ri-nho pela frente!
Um ano novinho em folha! Como uma página de papel em branco,
esperando pelo que iremos escrever.
Um ano para começarmos o que ainda não tivemos força de vontade, coragem ou fé...
Um ano para perdoarmos um erro, um ano para sermos perdoados dos nossos...
365 dias para fazermos aquilo que quisermos...
Ou para deixarmos que façam o que quiserem conosco...
Sempre há uma escolha...

E, exatamente por isso,
eu desejo que façamos as melhores escolhas que pudermos.

Desejo que sorriamos o máximo que pudermos.
Cantemos aquilo que quisermos.
Beijemos muito.
Amemos mais.
Abracemos bem apertado.
Durmamos com os anjos.
Sejamos protegidos por eles.
Agradeçamos por estarmos vivos e termos sempre mais uma chance para recomeçar.
Agradeçamos as nossas escolhas, pois certas ou não, elas são nossas.
E ninguém pode ou deve questioná-las.

E eu gostaria de agradecer aos amigos que eu tenho.
Aos que me 'acompanham' desde muito tempo.
Aos que eu fiz este ano.
Aos que eu escrevo pouco, mas lembro muito.
Aos que eu escrevo muito e falo pouco.
Aos que moram longe e não vejo tanto quanto gostaria.
Aos que moram perto e eu vejo sempre.
Aos que me 'seguram', quando penso que vou cair.
Aos que eu dou a mão, quando me pedem ou quando me parecem um pouco perdidos.
Aos que ganham e perdem.
Aos que me parecem fortes e aos que realmente são.
Aos que me parecem anjos,
mas estão aqui e me dão a certeza de que existe algo de divino neste mundo.

De coração... que Deus continue abençoando a todos nós...

2 comentários:

Sujeito Oculto disse...

Engraçado isso, a sensação do novo quando tudo continua a mesma coisa. Precisamos mesmo de artifícios para sentirmos que algo está mudando, que temos uma chance de fazer tudo diferente. Já imaginou se fosse diferente? Imagina se só houvesse dias, nada de meses ou anos? Dia 1 de janeiro de 2009 seria apenas o dia 733173 do calendário Gregoriano. Nada para comemorar.

Luiz "TIM" Ernani disse...

Olá Sweet!
Que bom que gostou do meu blog, preciso escrever mais. Acho o máximo como algumas pessoas, incluindo você, sabem escrever mensagens de ano novo tão legais... sou péssimo nisso, mas vá lá: desejo um ano novo pra você igualzinho ao que vc descreveu, uma página em branco pra preencher como você quiser! Aproveita bem!

Beijo

Tim