sexta-feira, 3 de outubro de 2008

A vida...

Ultimamente sem muitas idéias para escrever, mas mexendo nos meus arquivos antigos encontrei um poema que adoro e que acho que tem muito a ver com o que eu espero da vida e o que eu procuro doar aos que me são caros...


Não sei se a vida é curta ou longa demais para nós,
Mas sei que nada do que vivemos tem sentido
Se não tocarmos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido a vida
É o que faz com que ela não seja nem curta nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira,
Pura...
Enquanto durar.

(Cora Coralina)



Sinto saudades dos tempos em que enxergava as coisas de modo mais simples e as pessoas todas pareciam mais confiáveis...
Mas, a vida é assim.. as pessoas mudam, a gente também.

O importante é que não se perca o real sentido dela (a vida) e que no fim, você possa dizer que tudo valeu a pena.

Apesar dos percalços, se eu morresse hoje, eu diria que tudo valeu a pena.

Nenhum comentário: